A Crescer diariamente

quinta-feira, março 31, 2005

Ler a Bíblia num Ano Dia 1 - Juizes 13-15 E Lucas 6:27 a 49

Lucas 6
Almeida Fiel e Corrigida
27
Mas a vós, que isto ouvis, digo: Amai a vossos inimigos, fazei bem aos que vos odeiam;
28
Bendizei os que vos maldizem, e orai pelos que vos caluniam.
29
Ao que te ferir numa face, oferece-lhe também a outra; e ao que te houver tirado a capa, nem a túnica recuses;
30
E dá a qualquer que te pedir; e ao que tomar o que é teu, não lho tornes a pedir.
31
E como vós quereis que os homens vos façam, da mesma maneira lhes fazei vós, também.
32
E se amardes aos que vos amam, que recompensa tereis? Também os pecadores amam aos que os amam.
33
E se fizerdes bem aos que vos fazem bem, que recompensa tereis? Também os pecadores fazem o mesmo.
34
E se emprestardes àqueles de quem esperais tornar a receber, que recompensa tereis? Também os pecadores emprestam aos pecadores, para tornarem a receber outro tanto.
35
Amai, pois, a vossos inimigos, e fazei bem, e emprestai, sem nada esperardes, e será grande o vosso galardão, e sereis filhos do Altíssimo; porque ele é benigno até para com os ingratos e maus.
36
Sede, pois, misericordiosos, como também vosso Pai é misericordioso.
37
Não julgueis, e não sereis julgados; não condeneis, e não sereis condenados; soltai, e soltar-vos-ão.
38
Dai, e ser-vos-á dado; boa medida, recalcada, sacudida e transbordando, vos deitarão no vosso regaço; porque com a mesma medida com que medirdes também vos medirão de novo.
39
E dizia-lhes uma parábola: Pode porventura o cego guiar o cego? Não cairão ambos na cova?
40
O discípulo não é superior a seu mestre, mas todo o que for perfeito será como o seu mestre.
41
E por que atentas tu no argueiro que está no olho de teu irmão, e não reparas na trave que está no teu próprio olho?
42
Ou como podes dizer a teu irmão: Irmão, deixa-me tirar o argueiro que está no teu olho, não atentando tu mesmo na trave que está no teu olho? Hipócrita, tira primeiro a trave do teu olho, e então verás bem para tirar o argueiro que está no olho de teu irmão.
43
Porque não há boa árvore que dê mau fruto, nem má árvore que dê bom fruto.
44
Porque cada árvore se conhece pelo seu próprio fruto; pois não se colhem figos dos espinheiros, nem se vindimam uvas dos abrolhos.
45
O homem bom, do bom tesouro do seu coração tira o bem, e o homem mau, do mau tesouro do seu coração tira o mal, porque da abundância do seu coração fala a boca.
46
E por que me chamais, SENHOR, Senhor, e não fazeis o que eu digo?
47
Qualquer que vem a mim e ouve as minhas palavras, e as observa, eu vos mostrarei a quem é semelhante:
48
É semelhante ao homem que edificou uma casa, e cavou, e abriu bem fundo, e pôs os alicerces sobre a rocha; e, vindo a enchente, bateu com ímpeto a corrente naquela casa, e não a pôde abalar, porque estava fundada sobre a rocha.
49
Mas o que ouve e não pratica é semelhante ao homem que edificou uma casa sobre terra, sem alicerces, na qual bateu com ímpeto a corrente, e logo caiu; e foi grande a ruína daquela casa.

Ler a Bíblia num Ano Dia 1 - Juizes 13-15 E Lucas 6:27 a 49

Juízes 14
Almeida Fiel e Corrigida
1
E DESCEU Sansão a Timnate; e, vendo em Timnate uma mulher das filhas dos filisteus,
2
Subiu, e declarou-o a seu pai e a sua mãe, e disse: Vi uma mulher em Timnate, das filhas dos filisteus; agora, pois, tomai-ma por mulher.
3
Porém seu pai e sua mãe lhe disseram: Não há, porventura, mulher entre as filhas de teus irmãos, nem entre todo o meu povo, para que tu vás tomar mulher dos filisteus, daqueles incircuncisos? E disse Sansão a seu pai: Toma-me esta, porque ela agrada aos meus olhos.
4
Mas seu pai e sua mãe não sabiam que isto vinha do SENHOR; pois buscava ocasião contra os filisteus; porquanto naquele tempo os filisteus dominavam sobre Israel.
5
Desceu, pois, Sansão com seu pai e com sua mãe a Timnate; e, chegando às vinhas de Timnate eis que um filho de leão, rugindo, lhe saiu ao encontro.
6
Então o Espírito do SENHOR se apossou dele tão poderosamente que despedaçou o leão, como quem despedaça um cabrito, sem ter nada na sua mão; porém nem a seu pai nem a sua mãe deu a saber o que tinha feito.
7
E desceu, e falou àquela mulher, e ela agradou aos olhos de Sansão.
8
E depois de alguns dias voltou ele para tomá-la; e, apartando-se do caminho para ver o corpo do leão morto, eis que nele havia um enxame de abelhas com mel.
9
E tomou-o nas suas mãos, e foi andando e comendo dele; e foi a seu pai e a sua mãe, e deu-lhes do mel, e comeram; porém não lhes deu a saber que tomara o mel do corpo do leão.
10
Descendo, pois, seu pai àquela mulher, fez Sansão ali um banquete; porque assim os moços costumavam fazer.
11
E sucedeu que, como o vissem, trouxeram trinta companheiros para estarem com ele.
12
Disse-lhes, pois, Sansão: Eu vos darei um enigma para decifrar; e, se nos sete dias das bodas o decifrardes e descobrirdes, eu vos darei trinta lençóis e trinta mudas de roupas.
13
E, se não puderdes decifrar, vós me dareis a mim trinta lençóis e as trinta mudas de roupas. E eles lhe disseram: Dá-nos o teu enigma a decifrar, para que o ouçamos.
14
Então lhes disse: Do comedor saiu comida, e do forte saiu doçura. E em três dias não puderam decifrar o enigma.
15
E sucedeu que, ao sétimo dia, disseram à mulher de Sansão: Persuade a teu marido que nos declare o enigma, para que porventura não queimemos a fogo a ti e à casa de teu pai; chamastes-nos aqui para vos apossardes do que é nosso, não é assim?
16
E a mulher de Sansão chorou diante dele, e disse: Tão-somente me desprezas, e não me amas; pois deste aos filhos do meu povo um enigma para decifrar, e ainda não o declaraste a mim. E ele lhe disse: Eis que nem a meu pai nem a minha mãe o declarei, e to declararia a ti?
17
E chorou diante dele os sete dias em que celebravam as bodas; sucedeu, pois, que ao sétimo dia lho declarou, porquanto o importunava; então ela declarou o enigma aos filhos do seu povo.
18
Disseram, pois, a Sansão os homens daquela cidade, ao sétimo dia, antes de se pôr o sol: Que coisa há mais doce do que o mel? E que coisa há mais forte do que o leão? E ele lhes disse: Se vós não lavrásseis com a minha novilha, nunca teríeis descoberto o meu enigma.
19
Então o Espírito do SENHOR tão poderosamente se apossou dele, que desceu aos ascalonitas, e matou deles trinta homens, e tomou as suas roupas, e deu as mudas de roupas aos que declararam o enigma; porém acendeu-se a sua ira, e subiu à casa de seu pai.
20
E a mulher de Sansão foi dada ao seu companheiro que antes o acompanhava.

Ler a Bíblia num Ano Dia 1 - Juizes 13-15 E Lucas 6:27 a 49

Juízes 15
Almeida Fiel e Corrigida
1
E ACONTECEU, depois de alguns dias, que, na sega do trigo, Sansão visitou a sua mulher, com um cabrito, e disse: Entrarei na câmara de minha mulher. Porém o pai dela não o deixou entrar.
2
E disse-lhe seu pai: Por certo pensava eu que de todo a desprezavas; de sorte que a dei ao teu companheiro; porém não é sua irmã mais nova, mais formosa do que ela? Toma-a, pois, em seu lugar.
3
Então Sansão disse acerca deles: Inocente sou esta vez para com os filisteus, quando lhes fizer algum mal.
4
E foi Sansão, e pegou trezentas raposas; e, tomando tochas, as virou cauda a cauda, e lhes pôs uma tocha no meio de cada duas caudas.
5
E chegou fogo às tochas, e largou-as na seara dos filisteus; e assim abrasou os molhos com a sega do trigo, e as vinhas e os olivais.
6
Então perguntaram os filisteus: Quem fez isto? E responderam: Sansão, o genro do timnita, porque lhe tomou a sua mulher, e a deu a seu companheiro. Então subiram os filisteus, e queimaram a fogo a ela e a seu pai.
7
Então lhes disse Sansão: É assim que fazeis? Pois, havendo-me vingado eu de vós, então cessarei.
8
E feriu-os com grande ferimento, pernas juntamente com coxa; e desceu, e habitou na fenda da rocha de Etã.
9
Então os filisteus subiram, e acamparam-se contra Judá, e estenderam-se por Leí.
10
E perguntaram-lhes os homens de Judá: Por que subistes contra nós? E eles responderam: Subimos para amarrar a Sansão, para lhe fazer a ele como ele nos fez a nós.
11
Então três mil homens de Judá desceram até a fenda da rocha de Etã, e disseram a Sansão: Não sabias tu que os filisteus dominam sobre nós? Por que, pois, nos fizeste isto? E ele lhes disse: Assim como eles me fizeram a mim, eu lhes fiz a eles.
12
E disseram-lhe: Descemos para te amarrar e te entregar nas mãos dos filisteus. Então Sansão lhes disse: Jurai-me que vós mesmos não me acometereis.
13
E eles lhe falaram, dizendo: Não, mas fortemente te amarraremos, e te entregaremos nas mãos deles; porém de maneira nenhuma te mataremos. E amarraram-no com duas cordas novas e fizeram-no subir da rocha.
14
E, vindo ele a Leí, os filisteus lhe saíram ao encontro, jubilando; porém o Espírito do SENHOR poderosamente se apossou dele, e as cordas que ele tinha nos braços se tornaram como fios de linho que se queimaram no fogo, e as suas amarraduras se desfizeram das suas mãos.
15
E achou uma queixada fresca de um jumento, e estendeu a sua mão, e tomou-a, e feriu com ela mil homens.
16
Então disse Sansão: Com uma queixada de jumento, montões sobre montões; com uma queixada de jumento feri a mil homens.
17
E aconteceu que, acabando ele de falar, lançou a queixada da sua mão; e chamou aquele lugar Ramate-Leí.
18
E como tivesse grande sede, clamou ao SENHOR, e disse: Pela mão do teu servo tu deste esta grande salvação; morrerei eu pois agora de sede, e cairei na mão destes incircuncisos?
19
Então Deus fendeu uma cavidade que estava na queixada; e saiu dela água, e bebeu; e recobrou o seu espírito e reanimou-se; por isso chamou aquele lugar: A fonte do que clama, que está em Leí até ao dia de hoje.
20
E julgou a Israel, nos dias dos filisteus, vinte anos.

Ler a Bíblia num Ano Dia 1 - Juizes 13-15 E Lucas 6:27 a 49

Juízes 13
Almeida Fiel e Corrigida
1
E OS filhos de Israel tornaram a fazer o que era mau aos olhos do SENHOR, e o SENHOR os entregou na mão dos filisteus por quarenta anos.
2

E havia um homem de Zorá, da tribo de Dã, cujo nome era Manoá; e sua mulher, sendo estéril, não tinha filhos.
3

E o anjo do SENHOR apareceu a esta mulher, e disse-lhe: Eis que agora és estéril, e nunca tens concebido; porém conceberás, e terás um filho.
4

Agora, pois, guarda-te de beber vinho, ou bebida forte, ou comer coisa imunda.
5

Porque eis que tu conceberás e terás um filho sobre cuja cabeça não passará navalha; porquanto o menino será nazireu de Deus desde o ventre; e ele começará a livrar a Israel da mão dos filisteus.
6

Então a mulher entrou, e falou a seu marido, dizendo: Um homem de Deus veio a mim, cuja aparência era semelhante de um anjo de Deus, terribilíssima; e não lhe perguntei donde era, nem ele me disse o seu nome.
7

Porém disse-me: Eis que tu conceberás e terás um filho; agora pois, não bebas vinho, nem bebida forte, e não comas coisa imunda; porque o menino será nazireu de Deus, desde o ventre até ao dia da sua morte.
8

Então Manoá orou ao SENHOR, e disse: Ah! Senhor meu, rogo-te que o homem de Deus, que enviaste, ainda venha para nós outra vez e nos ensine o que devemos fazer ao menino que há de nascer.
9

E Deus ouviu a voz de Manoá; e o anjo de Deus veio outra vez à mulher, e ela estava no campo, porém não estava com ela seu marido Manoá. 10
Apressou-se, pois, a mulher, e correu, e noticiou-o a seu marido, e disse-lhe: Eis que aquele homem que veio a mim o outro dia me apareceu.
11

Então Manoá levantou-se, e seguiu a sua mulher, e foi àquele homem, e disse-lhe: És tu aquele homem que falou a esta mulher? E disse: Eu sou.
12

Então disse Manoá: Cumpram-se as tuas palavras; mas qual será o modo de viver e o serviço do menino?
13

E disse o anjo do SENHOR a Manoá: De tudo quanto eu disse à mulher guardará ela.
14

De tudo quanto procede da videira não comerá, nem vinho nem bebida forte beberá, nem coisa imunda comerá; tudo quanto lhe tenho ordenado guardará.
15

Então Manoá disse ao anjo do SENHOR: Ora deixa que te detenhamos, e te preparemos um cabrito.
16

Porém o anjo do SENHOR disse a Manoá: Ainda que me detenhas, não comerei de teu pão; e se fizeres holocausto o oferecerás ao SENHOR. Porque não sabia Manoá que era o anjo do SENHOR.
17

E disse Manoá ao anjo do SENHOR: Qual é o teu nome, para que, quando se cumprir a tua palavra, te honremos?
18

E o anjo do SENHOR lhe disse: Por que perguntas assim pelo meu nome, visto que é maravilhoso?
19

Então Manoá tomou um cabrito e uma oferta de alimentos, e os ofereceu sobre uma penha ao SENHOR: e houve-se o anjo maravilhosamente, observando-o Manoá e sua mulher.
20 E sucedeu que, subindo a chama do altar para o céu, o anjo do SENHOR subiu na chama do altar; o que vendo Manoá e sua mulher, caíram em terra sobre seus rostos.
21

E nunca mais apareceu o anjo do SENHOR a Manoá, nem a sua mulher; então compreendeu Manoá que era o anjo do SENHOR.
22

E disse Manoá à sua mulher: Certamente morreremos, porquanto temos visto a Deus.
23

Porém sua mulher lhe disse: Se o SENHOR nos quisesse matar, não aceitaria da nossa mão o holocausto e a oferta de alimentos, nem nos mostraria tudo isto, nem nos deixaria ouvir tais coisas neste tempo.
24

Depois teve esta mulher um filho, a quem pôs o nome de Sansão; e o menino cresceu, e o SENHOR o abençoou.
25

E o Espírito do SENHOR começou a incitá-lo de quando em quando para o campo de Maané-Dã, entre Zorá e Estaol.

Coisas Quebradas

Leitura Salmo 31:9-24

Neste Mundo há poucas vidas úteis para Deus que não estejam quebradas. Poucos homens e mulheres podem realizar as suas esperanças e planos sem qualquer interrupção e decepção ao longo do caminho.
Mas as decepções do ser humano são muitas vezes os propósitos de Deus, e as coisas que acreditamos serem tragédias podem muito bem ser oportunidades pelas quais Deus escolhe exibir o Seu Amor e Graça. Temos apenas que seguir estas vidas até ao fim para vermos que as pessoas quebradas se tornaram cristãos melhores e mais eficientes do que se estivessem levado a cabo todos os seus planos e propósitos.
Meu amigo; estás a ser quebrado hoje? Foi arrancado da tua vida o que te era mais querido? Então lembra-te que se pudesses ver o propósito de tudo do ponto de vista de Deus, louvarias ao Senhor.
As coisas melhores que vêm até nós não são aquelas que resultam de fazermos a nossa vontade, mas por permitirmos Deus fazer a Sua. Embora o caminho do teste, da prova e do sofrimento possa parecer muitas vezes duro e cruel, é o caminho do amor de Deus, e no fim descobrirmos ter sido o melhor para nós.
Lembra-te que nós temos a promessa de Deus: "Não negará bem algum aos que andam na rectidão" (Salmo 84:11). - MRD.

PARA UM CRISTÃO A INTEGRIDADE VEM SEMPRE DEPOIS DO QUEBRANTAMENTO.

Fonte: "Pão Nosso Diário - Ministérios RBC"

sábado, março 26, 2005

Novo desafio – Ler a Bíblia num Ano.

Eu tive um compromisso comigo mesmo no dia 1 de Janeiro de 2005! Ler a bíblia toda no prazo de um ano.

Pois bem irei fazer isto aqui no meu blog, por isso quem quiser ler a bíblia num ano terá aqui uma oportunidade de a ler e comentar sobre a leitura diária.

Será para mim um novo desafio mas muito interessante, se gostarem da ideia recomendem aos vossos Amigos.
Irei começar no dia 1 de Abril de 2005 (Não se deixem enganar!?)

sexta-feira, março 25, 2005

Leitura Diária.

C. S. Lewis observou: "Quanto mais deixamos que Deus assuma o controle sobre nós, mais autênticos nos tornamos - pois foi ele quem nos fez. Ele inventou todas as diferentes pessoas que eu e você tencionávamos ser (...) É quando me viro para Cristo e me rendo à sua personalidade que pela primeira vez começo a ter minha própria e real personalidade".
(WARREN, Rick; Uma Vida Com Propósitos; Editora Vida; p. 71)

Nova forma de escrever diariamente

Vou a partir de hoje colocar sempre uma leitura diária.
Uma Reflexão espero ajudar e ser ajudado.

Obrigado pelo vosso apoio.

Tanta confusão...

Eu estou tão confuso: tão confiante e ao mesmo tempo tão angustiado..

Será isto possível? Bem eu pelo menos estou assim, não consigo perceber o que se passa, mas encontro em Deus uma Paz tão grande mas por outro lado estou sempre a pensar no dia de amanhã.

Como posso eu ter a Paz de Deus sempre em mim sem me preocupar da vida, do dia a dia, dos compromissos. Eu chego a conclusão que estou entre o Deserto e o abismo e não há outro remédio que não seja esperar em Deus.

Espero ainda ter tempo para saborear a minha vida sem pressões e preocupações do dia a dia...

Mas que grande confusão...

quinta-feira, março 10, 2005

Dá que pensar

quarta-feira, março 09, 2005

O significado da Páscoa

Bem, eu estive a fazer um pouco de pesquisa e encontrei na Internet um texto que explica o significado desta celebração mas contudo gostaria de ter os vossos comentários.


"É uma festa instituída em lembrança da morte dos primogênitos do Egito e da libertação dos Israelitas ( Ex 12:11-27 ). “Páscoa” deriva de uma palavra hebraica que significa A passagem do anjo exterminador, sendo poupadas as habitações do povo de Israel em cuja as portas, haviam sido aspergidas o sangue do cordeiro.
O sangue do cordeiro que protegeu o povo da morte física, era um símbolo do verdadeiro cordeiro de Deus que derramou o seu sangue para livrar os homens da morte eterna.
A Páscoa era comemorada no mês da saída do Egito, no décimo-quarto dia, a tarde os Israelitas matavam o cordeiro pascal. Na tarde do dia seguinte iniciava-se a grande festa da Páscoa, que durava cerca de sete dias, mas somente o primeiro e o sétimo dia era, particularmente, solenes. O cordeiro morto deveria ser sem defeitos ( mácula ), macho e do primeiro ano de vida. Então eles comiam o cordeiro assado com pão asmo e uma salada de ervas amargas, não devendo ser quebrado nenhum dos seus ossos. Também não podia sobrar nada, caso sobrasse alguma coisa, teria de ser queimado.
Todos os homens tinham que se apresentar, diante do Senhor, bem arrumados e, quem não cumprisse tal feito, era condenado a morte ( Nm 9:13 ). Quem não podia se apresentar por motivo justificado celebrava a referida festa, no segundo mês.
No tempo de Jesus Cristo, a Páscoa era comemorada em Jerusalém. Nessa época Jesus também comemorou a Páscoa com os seus discípulos ( Mt 26:17 ). E, naquela ocasião, quando celebrou a Santa Ceia, explicou o verdadeiro significado daquele ato. E, após a Ceia, mas na mesma noite, Jesus foi preso sendo condenado à morte ( e morte de cruz ) na mesma semana.
Podemos entender, então, que Jesus Cristo, morreu na Páscoa como um cordeiro em sacrifício vivo, pelos meus, pelos seus, pelos nossos pecados


Desde então não precisamos mais sacrificar animais, porque Jesus já pagou o preço."

TEMPO. Queria ter mais tempo...

Queria ter mais tempo para poder desfrutar do Amor de Deus.
Eu ouço Pastores disserem que o Amor de Deus é "incomparável", pois eu gostava de ter mais tempo para me dedicar a esse Deus "incomparável" e também sentir esse Amor recíproco.

Eu gostava que aqueles irmãos e irmãs que visitam este blog me pudessem dar ideias de como desfrutar do nosso Deus com o pouco tempo que temos no nosso dia a dia.